Velório de Pelé terá 24 horas de duração e será aberto ao público na Vila Belmiro

A despedida ao Rei do Futebol será aberta aos fãs, amigos e autoridades em Santos na próxima segunda-feira, dia 2 de janeiro. A partir das 10h, todos terão acesso à Vila Belmiro para o velório, que será no centro do gramado do estádio, como era o desejo de Pelé. O corpo de Pelé sairá do hospital Albert Einstein na madrugada de segunda-feira em direção ao estádio da Vila Belmiro escoltado por policiais militares. A família de Pelé optou por fazer o funeral após a virada do ano e a posse do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, no domingo.

Os fãs entrarão pelos portões 2 e 3, com saída pelos portões 7 e 8. Autoridades terão acesso pelo portão 10. Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez comparecerá ao velório; e é possível que Gianni Infantino, presidente da Fifa, também esteja presente. Ao fim do velório, às 10h do dia 3 de janeiro, começará o cortejo com o corpo do Rei do Futebol pelas ruas de Santos, passando pela casa de Dona Celeste, mãe de Pelé, até o cemitério vertical Memorial Necrópole Ecumênica.

O cemitério está desde 1991 no Guinness Book, o Livro dos Recordes, como o mais alto do mundo. De lá, há visão para a Vila Belmiro. O enterro do Rei será reservado apenas para os familiares.

Em entrevista ao jornal "A Tribuna", Pelé explicou porque escolheu o local:

— Escolhi por sua organização, limpeza e estrutura. É um local que transmite paz espiritual e tranquilidade, onde a pessoa não se sente deprimida, sequer parece com um cemitério.

Desde semana passada, o Santos havia começado os preparativos do funeral. Inclusive, imagens do caixão e de um altar no gramado vazaram na internet.