Vendedora de cocada diz que não percebeu racismo na Globo: "Estou meio perdida"

Dona Silene falou sobre o caso de racismo no
Dona Silene falou sobre o caso de racismo no "É de Casa" (Foto: Reprodução/Globo)

Dona Silene, a vendedora de cocadas que participou do "É de Casa" no último sábado (11), manifestou-se nas redes sociais pela primeira vez desde a polêmica envolvendo Talitha Morete. Em um texto publicado nos Stories do Instagram na madrugada desta quarta-feira (15), a cozinheira afirmou que foi surpreendida pela repercussão do caso e garantiu que foi muito acolhida nos bastidores da Globo.

"Fui surpreendida por muitas mensagens de apoio a qual não tinha entendido o porquê. Ainda estou meio perdida, pois foi tudo muito novo para mim. Escrevo não para diminuir ou banalizar as dores de ninguém, pois sei que muitos se sentiram machucados com a cena. Porém, naquele momento eu não tive esse sentimento. Ao contrário, fui muito bem recebida e acolhida por todos", declarou.

Em outro trecho da publicação, Silene agradeceu Talitha Morete pela visibilidade (foi ela quem a conheceu em um salão de cabeleireiro e a convidou para participar do programa). A cozinheira também pediu o fim dos ataques à apresentadora.

"Para quem não sabe, a Talitha foi um instrumento para que eu pudesse ter a oportunidade de ser apresentada a vocês. Sou muito grata por isso e jamais poderia vir aqui incitar ódio a uma pessoa que na minha concepção não teve a intenção de reproduzir qualquer violência. Peço a todos que não a ataquem", completou.

Silene, que já conquistou 50 mil seguidores, encerrou dizendo que é da paz e aproveitou para agradecer Manoel Soares pela sensibilidade com a qual conduziu o episódio: "Meu abraço pela gentileza e todo cuidado que teve! Um beijo a todos. Sintam-se abraçados."

Entenda o caso

Talitha Morete reproduziu um ato racista ao pedir para Dona Silene, que já tinha cozinhado as cocadas, servir a todos que estavam no sofá do "É de Casa". A maioria era branca. A convidada chegou a pegar a bandeja, mas o apresentador Manoel Soares percebeu que algo não estava certo e interrompeu.

“Vamos fazer o seguinte? Eu vou ser o seu garçom e você vai me orientar para quem vou servir, porque você não vai servir ninguém”, disse ele.

Nas redes sociais, o momento repercutiu. Internautas chegaram a parabenizar Manoel Soares pela forma que lidou com o racismo estrutural. Muita gente revelou que se sentiu engatilhada com a cena e cobrou um posicionamento da emissora.

Talitha Morete reconheceu o erro

Três dias depois, Talitha Morete comentou o caso. "Antes de vir aqui, a primeira coisa que fiz foi falar com a Dona Silene e pedir desculpas para ela. Também preciso me desculpar com todas as pessoas, como o meu público, pela minha fala. Errei e não há nada a ser dito para justificar ou minimizar esse erro, a não ser me desculpar", iniciou.

A apresentadora do semanal ainda afirmou ter refletido muito sobre a situação e o lugar que ocupou. "Como ser humano, como comunicadora, quero transformar esse episódio em aprendizado e num compromisso de vigília antirracista constante. É isso que posso e devo fazer. Aproveito para agradecer ao meu colega Manoel Soares pela sensibilidade e o cuidado com a Dona Silene”, pontuou.

É importante lembrar que o racismo não se encerra em “não gostar de negros”, mas situa-se em condições estruturais que perpassam as dimensões subjetivas, políticas e econômicas.

A atitude de Talitha Morete fez com que Dona Silene saísse de uma posição de destaque para ocupar a "servidão", como se esse devesse ser o seu lugar mesmo quando a apresentadora branca era a anfitriã e a cozinheira preta era a convidada. O racismo é tão enraizado que as duas nem se deram conta, afinal, estamos "acostumados" com cenas como essa desde a colonização do Brasil. Precisamos, urgentemente, avançar no debate e colocar os discursos em prática para que tenhamos um mundo mais justo e igualitário. Pessoas com a visibilidade de Talitha, sobretudo, têm o compromisso de levar a questão adiante.

Manoel Soares também se manifestou sobre o episódio

Manoel Soares aproveitou a publicação de Talitha Morete para se pronunciar e divulgar a rede social da doceira. “O mais importante é Dona Silene (@cocadasdasilene) estar bem diante de toda essa repercussão. Em segundo lugar você não só entender, mas internalizar a compressão do fato garantindo que isso não se repetirá, nem com você, nem perto de você”, começou o texto.

O apresentador, que assumirá o “Encontro” no próximo mês, falou da troca que tem durante o programa. “Inúmeras vezes você e as outras colegas de apresentação me ajudaram a mapear e reduzir meu machismo estrutural, sou grato por isso, assim como deve existir em você agora uma gratidão por essas pessoas que muitas vezes de forma ácida apontam o rumo certo de comportamento racial”, ressaltou.

Ele concluiu o texto desejando que o episódio seja pedagógico e construtivo para a sociedade e não apenas ela. Mais uma vez, o artista foi elogiado pelos internautas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos