Vereador Adriano Cuidador é assassinado a tiros no interior de SP

Vereador foi morto em frente a própria casa - Foto: Câmera dos Deputados/Divulgação
Vereador foi morto em frente a própria casa - Foto: Câmera dos Deputados/Divulgação

O vereador Adriano de Moraes de Conchas (SP), conhecido como “Adriano o Cuidador” do PSB, foi morto a tiros em frente à sua casa, após participar da sessão da Câmara Municipal de Conchas, na noite desta segunda-feira (12).

O crime aconteceu por volta das 22h20, quando Adriano chegava em sua casa após participar de uma sessão na Câmara. Testemunhas informaram que o vereador foi executado.

De acordo com informações preliminares, o vereador participou normalmente da sessão legislativa, que teria ocorrido sem nenhuma intercorrência e ao chegar em sua casa, na Rua São Paulo, após deixar uma vereadora na residência, foi alvejado com 2 tiros na cabeça e morreu no local.

Foi acionada a Ambulância Municipal de Conchas que chegou em instantes com enfermeira e técnica de enfermagem que constataram a ausência de sinais vitais do parlamentar.

A Polícia foi acionada na sequência e isolou o local do crime para a perícia e a investigação.

O policiamento compareceu no local, mas o autor dos disparos não foi identificado. A cidade de Conchas pertence ao 12º Batalhão de Polícia Militar do Interior, com sede em Botucatu.

Algumas viaturas da Força Tática foram deslocadas até a cidade para o auxílio na busca pelo acusado. Imagens dos circuitos de segurança das casas no entorno estavam sendo solicitadas para uma eventual identificação.

Adriano “Cuidador” já havia sido suplente da Câmara Municipal de Conchas por dois mandatos (2012 e 2016) antes de ser eleito em 2020 pelo PSB, com 212 votos (2,45%).

O corpo do vereador foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Botucatu (SP). A polícia investiga a motivação do crime. Nenhum suspeito foi identificado.