Vereadores aprovam nome Filósofo Olavo de Carvalho para rua em Porto Alegre

*ARQUIVO* VIRGÍNIA, EUA, 06.10.2017 - Retrato do escritor, conferencista, ensaísta, jornalista e filósofo brasileiro, Olavo de Carvalho. Ele é um dos principais representantes do conservadorismo brasileiro. (Foto: Vivi Zanatta/Folhapress)
*ARQUIVO* VIRGÍNIA, EUA, 06.10.2017 - Retrato do escritor, conferencista, ensaísta, jornalista e filósofo brasileiro, Olavo de Carvalho. Ele é um dos principais representantes do conservadorismo brasileiro. (Foto: Vivi Zanatta/Folhapress)

PORTO ALEGRE, RS (FOLHAPRESS) - A Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou, por 18 votos a 9, nomear uma rua de Filósofo Olavo de Carvalho.

A aprovação do projeto de lei, que depende de sanção do prefeito Sebastião Melo (MDB), fez com que vereadores de esquerda contestassem, além da homenagem em si, a designação de "filósofo" a Olavo, que não tinha formação acadêmica na área. O escritor faleceu em janeiro passado aos 74 anos.

Um dos protestos veio de Leonel Radde (PT), que subiu à tribuna com uma cabeça de cavalo de plástico para classificar a iniciativa como "burrice". Ele começou a fala imitando um relincho ao microfone.

Após o presidente Idenir Cecchim (MDB) pedir que vereador "mantivesse a compostura", o petista retirou a máscara.

Radde declarou ser uma contradição homenagear Olavo justamente no dia em que a Câmara porto-alegrense derrubou o veto do Executivo a um projeto contra fake news. A proposta prevê campanhas de conscientização e processos administrativos caso servidores públicos municipais disseminem informações falsas.

Considerado um guru intelectual do bolsonarismo desde antes das eleições presidenciais de 2018, Olavo disseminou informações falsas em diferentes temas, incluindo as vacinas contra a Covid-19. Conforme a filha, Olavo faleceu da doença.

O vereador Professor Alex Fraga (PSOL) foi um dos que contestou o termo "filósofo" na homenagem.

"Olavo de Carvalho não tinha formação em filosofia. A vereadora Nádia poderia retirar a proposição e substituí-la. Ser verdadeira com os fatos, com a formação do cidadão, e colocar 'rua Astrólogo Olavo de Carvalho'. A formação acadêmica em filosofia é dura e penosa", disse o vereador.

A autora do projeto é a vereadora Comandante Nádia (PP). O texto assinado por ela diz que Olavo estudou filosofia "de forma autodidata", bem como "religiões comparadas, astrologia tradicional, astrológica própria e astrocaracterologia". Conforme o projeto, Olavo "tornou-se um dos principais difusores de ideias do Brasil, sendo um grande crítico do pensamento coletivo nacional".

Nádia, que concorre a senadora nas eleições de 2022, justificou a homenagem na tribuna.

"Se o projeto chegou para ser votado é porque todos os pré-requisitos [para justificar a homenagem] foram preenchidos. Gostar ou não gostar de Olavo de Carvalho é algo muito pessoal, e não diz respeito aos vereadores dizer aqui se eu gosto ou se eu não gosto. Até porque já colocaram o nome da Marielle Franco [vereadora carioca assassinada em 2018], que nada tem a ver com o Rio Grande do Sul".

Radde e Fraga também concorrem em 2022, ambos a deputado estadual.