'Vergonha': termo chega aos trends no Twitter após discurso de Bolsonaro na ONU

Durante o discurso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na Assembleia das Nações Unidas em Nova Yok, nesta terça-feira, internautas subiram no Twitter o termo “que vergonha”, que está entre os mais comentados da rede social com mais de 65 mil publicações até o início desta tarde. O sentimento surgiu após o presidente fazer um discurso radical e com dados falsos sobre desmatamento, tratamento precoce — cuja ineficácia é comprovada. Ele também alegou que o Brasil estava à beira do socialismo antes de assumir o governo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos