Verstappen vence GP da França após erro e batida de Leclerc

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, aproveitou mais um erro da Ferrari e andou tranquilo no circuito de Paul Ricard, em Le Castellet, para sua sétima vitória na temporada da Fórmula 1. Pole position e líder até a 17ª volta, quando saiu reto na curva, bateu no muro e abandonou a prova. A Mercedes completou o pódio, com dobradinha de Lewis Hamilton em segundo e George Russell em terceiro.

Este foi o melhor resultado do inglês, sete vezes campeão mundial da Fórmula 1, nesta temporada. Em corrida tranquila, viu o segundo lugar cair em seu colo e não esteve sob pressão em nenhum momento da prova. Ele havia sido terceiro colocado quatro vezes em 2022.

Quem também se deu bem foi George Russell, que aproveitou de um vacilo de Sergio Perez a três voltas do fim para chegar ao terceiro lugar. Como fez a volta mais rápida da prova, o britânico ainda levou um ponto extra.

A largada foi forte, com Leclerc mantendo a pole e Verstappen em sua caça. Lewis Hamilton ultrapassou Sergio Perez e pulou para terceiro, e Fernando Alonso saiu da sétima para a quinta posição.

No início da corrida, Russell conseguiu passar o espanhol de volta para recuperar o quinto lugar enquanto Verstappen, ao seu estilo, atacava Leclerc sempre que tinha oportunidade. Na primeira parada para troca de pneus, entretanto, o holandês, perdeu muito tempo e voltou na sétima posição com compostos duros.

Na volta seguinte, entretanto, a Ferrari de Leclerc saiu reto na curva e bateu, abandonando a prova. No rádio, o monegasco reclamou do acelerador antes de gritar de irritação e deixar a pista muito decepcionado.

Com o safety car na pista, todo o pelotão de frente adiantou as paradas. Hamilton esquentou a liderança para Verstappen, que tranquilamente colocou três segundos de vantagem sobre o rival para ficar confortável no primeiro lugar.

Único carro da Ferrari na pista, Carlos Sainz fez corrida de recuperação e foi um dos protagonistas em Le Castellet após largar na 19ª posição. Com estratégia diferente e pneus duros no início da prova, o espanhol chegou ao quarto lugar na retomada após o acidente de seu companheiro. Por um erro da Ferrari nos boxes, entretanto, ele terminou na quinta colocação.

Confira a classificação ao fim da corrida

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos