Veste Rio: em talk, Amir Slama e André Lucian falam sobre moda praia no verão da pandemia

O Globo
·1 minuto de leitura
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

O Veste Rio apresentou na manhã desta segunda-feira um bate-papo entre os estilistas Amir Slama e André Lucian, cofundador da Esc, e o repórter da Revista ELA, Gilberto Júnior, transmitido on-line no site do evento (vesterio.rio), no YouTube do GLOBO e no Facebook da ELA e da "Vogue" Brasil. O maior evento de moda do país — o único que reúne desfiles, Salão de Negócios, palestras e outlet virtual — está na nona edição, a primeira em versão digital. O projeto prossegue até quinta-feira.

Lucian é graduado em Design e acumula experiência em grandes marcas do mercado. Slama, antes de lançar sua marca homônima, pilotou a Rosa Chá, elevando a moda praia brasileira ao nível do prêt-à-porter ao criar todo um conceito de lifestyle no universo do beachwear.

Na conversa, batizada "O verão da pandemia: como será a moda praia diante de tantas restrições", os designers reforçaram a importância do distanciamento social, mas afirmaram que a temporada de calor será do "otimismo". "Estamos vendendo como nunca nos canais virtuais. As pessoas compram um biquíni seja para ir à praia, como todo cuidado, ou para ficar na piscina de casa ou do prédio", disse Lucian. "Na verdade, está faltando matéria-prima para darmos conta de tanto pedido. Estou usando tecidos de coleções passadas, arames antigos. Ficamos muito tempo trabalhando numa operação mais lenta, cumprindo as normas de segurança", acrescentou Slama.

Ao longo de quase uma hora, os estilistas passearam por temas como sustentabilidade, diversidade de corpos e tendências (ainda que existam mil e uma opções hoje no mercado) para a estação. Responderam ainda perguntas de internautas.

O Veste Rio é apresentado pelo Santander com realização das revistas ELA e “Vogue” Brasil.