Veterinária frauda sistema e recebe terceira dose de vacina contra Covid-19 em SP

·2 minuto de leitura
Mulher mostrou orgulhosamente a fraude nas redes sociais - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Mulher mostrou orgulhosamente a fraude nas redes sociais - Foto: Reprodução/Redes Sociais
  • Jussara Sonner exibiu orgulhosamente nas redes sociais a fraude cometida

  • Ela explicou que buscou uma UBS sem estrutura on-line para burlar o sistema

  • Nas redes sociais, a veterinária se mostra defensora do presidente Jair Bolsonaro

Uma veterinária burlou o sistema de vacinação e recebeu três doses de imunizantes contra a Covid-19 na Grande São Paulo. Orgulhosa, Jussara Sonner celebrou a fraude nas redes sociais em postagem que viralizou na última quinta-feira.

“Sei que nenhuma vacina é totalmente segura, pois não houve tempo para realização dos testes. Mas como no início do ano tomei a vachina (sic), estava bastante incomodada com isso!”, escreveu a mulher.

Leia também:

Jussara chamou a CoronaVac de “vachina” e mostrou-se preocupada com a eficácia do imunizante do qual já havia recebido as duas doses, mesmo com os ótimos resultados obtidos pelo mesmo em testes. Por isso, procurou uma forma de burlar o sistema para receber uma nova dose, desta vez de Janssen.

“Esperei o tempo necessário – 3 meses – e hoje consegui tomar a da Janssen! Agora me sinto mais protegida, é dose única e estou liberada para viajar para onde eu quiser!”, completou a mulher em suas redes sociais.

Cartão de vacinação de Jussara após as primeiras doses de CoronaVac - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Cartão de vacinação de Jussara após as primeiras doses de CoronaVac - Foto: Reprodução/Redes Sociais

A veterinária foi questionada por uma sobrinha sobre o procedimento burocrático, uma vez que, já vacinada, a mulher estava impossibilitada de tomar uma nova dose. “Tia, eles não pediram documentos para verificar se já tinha tomado?”.

“Não! Fui num bairro meio que de favela em Guarulhos, onde não havia computadores para verificação on-line! Uma sorte! Anotaram meus dados em uma folha timbrada. Quando cair no sistema, será tarde demais”, respondeu.

Em postagens realizadas previamente em suas redes sociais, Jussara se declara apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e ataca o governador João Doria (PSDB), responsável pela chegada e a produção da CoronaVac no Brasil.

Prefeitura de Guarulhos pede investigação

A postagem da veterinária repercutiu a ponto de chegar à Prefeitura de Guarulhos. Em nota ao G1, explicou que “determinou que o caso fosse enviado ao Ministério Público Estadual para que ela (Jussara) seja investigada”.

“Não se pode fechar os olhos para abusos e fraudes que visem burlar esse sistema, ainda mais baseadas em motivações desprovidas de amparo científico que possam prejudicar grupos prioritários para a vacinação, como neste caso", completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos