Boris Johnson: do desdém à UTI

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson começou a crise do novo coronavírus com desdém: afirmou que continuaria apertando a mão de todos. Na última segunda-feira, foi levado para a UTI devido à covid-19.