Chavismo desafia pedidos de ajuda

O governo da Venezuela distribuiu remédios e alimentos na fronteira com a Colômbia, no momento em que Juan Guaidó, líder opositor reconhecido como presidente interino por vários países, intensifica a campanha para permitir a entrada de ajuda humanitária americana.