Chilenos seguem nas ruas

Uma mobilização de manifestantes voltou à Praça Itália, em Santiago, nesta sexta-feira. Os atos começaram em 18 de outubro depois de um aumento na tarifa do metrô em horários de pico, mas em pouco tempo mais reivindicações foram incorporadas.