Crimes contra a humanidade no Chile

Associações de direitos humanos entraram com uma ação contra o presidente chileno Sebastián Piñera por supostos crimes contra a humanidade na crise social que o país vive há quase três semanas. A ação afirma que as autoridades cometeram pelo menos nove delitos, entre eles homicídios, torturas, restrições ilegítimas e abuso sexual.