A difícil rotina dos refugiados sírios

AFP15 de agosto de 2012

Além de terem perdido quase tudo ao fugir do conflito, os refugiados sírios têm de enfrentar também a falta de infraestrutura nos acampamentos.SONORA 3 – POVO FALA "O clima aqui é horrível, a poeira está nos matando. Temos de levar os filhos todos os dias para o hospital, eles estão doentes".Neste campo de refugiado na região de Mafraq, no norte da Jordânia, crianças e adultos sofrem com o calor e a falta de energia elétrica. Algumas mulheres relatam casos de assédio sexual. Em outro local, perto da Turquia, dois mil e duzentos refugiados sírios cruzaram a fronteira nos últimos dias para escapar da violência no país, segundo o Centro Turco de Gestão de Situações de Crise.SONORA 2 – POVO FALA“Nossa dignidade é muito importante. Deixamos a Síria para preservar nossa dignidade."SONORA 1 – POVO FALA"Se Deus quiser vamos comemorar a morte de Bashar. Espero o enforcamento dele.”Entidades de direitos humanos calculam que 50.227 sírios estão em acampamentos ao longo da fronteira da Turquia com a Síria.---MAFRAQ (CAMPO DE ZAATARI), JORDÂNIA, 15/08/2012. FONTE: AFPTV- várias imagens dos refugiados e dos campos onde eles vivem em barracas.- povo fala