EUA vão interceptar míssil caso necessário

Os legisladores dos Estados Unidos realizaram nesta terça-feira uma audiência com almirante americano Samuel Locklear, chefe do Comando Ásia-Pacífico, para discutir a questão norte-coreana.O grande questionamento da reunião com o comando militar era se o país estava pronto para interceptar mísseis lançados por Pyongyang. Locklear disse que não recomendaria a ação, mas que ela seria realizada se fosse para defender interesses americanos ou de aliados.SONORA: Samuel Locklear, chefe do Comando Ásia-Pacífico"Acredito que temos a habilidade para defender nosso território, o Havaí, defender Guam, nossas forças no exterior e os países amigos”. A reunião acontece em meio a especulações generalizadas de que a Coreia do Norte pode estar preparando o lançamento de um míssil.Nesta terça-feira, Pyongyang voltou a falar na ameaça de uma "guerra termonuclear" na península coreana e aconselhou os estrangeiros que moram na Coreia do Sul que considerem deixar o país.///SHOTLIST:WASHINGTON, APRIL 9, 2013, SOURCE: POOL**NO RESALE for non-editorial purposes**+ 1 min 7 sec of images:- VAR of the Senate hearing