Macron critica nacionalismo diante do Congresso americano

O presidente da França, Emmanuel Macron, denunciou a tentação nacionalista e de isolacionismo em discurso ao Congresso americano. O líder também disse que seu país "não se retirará" do acordo nuclear assinado em 2015 com Teerã.