Netanyahu acusa Hezbollah e Irã

AFP19 de julho de 2012

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, foi firme nesta quinta-feira nas acusações aos responsáveis pelo ataque que matou seis pessoas, sendo cinco israelenses, na Bulgária.SONORA - Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro israelense:“O ataque de ontem foi realizado pelo Hezbollah – um dos principais responsáveis pelo terrorismo iraniano. Este atentado faz parte de uma campanha global de terror liderada por Teerã e pelo grupo libanês”. Netanyahu ainda fez questão de classificar o Irã como a principal nação terrorista do planeta. De acordo com o líder israelense, a comunidade internacional deveria evitar que o regime mais perigoso do mundo produza armas poderosas. O premier ainda afirmou que Israel vai continuar com o combate ao terror”. SONORA – Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro israelense:“Israel é um país forte assim como o seu povo. Vamos continuar a lutar contra os terroristas e combater também aqueles que os ajudam”. Ainda nesta quinta-feira, o Irã condenou energicamente qualquer ato terrorista ao se referir ao atentado suicida contra turistas israelenses.///FICHA TÉCNICA:JERUSALÉM, JULHO 19, 2012, FONTE: GPO*NO RESALE FOR NON EDITORIAL PURPOSES*