Vigilância Sanitária multa Conmebol por aglomeração na final da Libertadores

·1 minuto de leitura
Fans of Brazil's Palmeiras cheer prior a Copa Libertadores final soccer match against Brazil's Santos at the Maracana stadium in Rio de Janeiro, Brazil, Saturday, Jan. 30, 2021. (Ricardo Moraes/Pool via AP)
Estádio do Maracanã recebeu 5 mil torcedores no último sábado, 30 de janeiro (Foto: Ricardo Moraes/Pool via AP)

A Vigilância Sanitária multou a Conmebol, entidade responsável pela Libertadores da América, por causa da final entre Palmeiras e Santos, quando houve aglomeração. O valor da autuação é de R$ 14 mil.

No último domingo, foi permitido que 5 mil convidados assistissem a partida no Maracanã, no Rio de Janeiro. O estádio tem capacidade para receber 78 mil pessoas, mas todos presentes ficaram na mesma área, provocando aglomeração. Muitos torcedores que estavam no Maracanã estavam sem máscara.

Leia também:

A Conmebol afirmou que foram colocadas faixas nas cadeiras para afastar os convidados e, além disso, os presentes tiveram de apresentar exame PCR negativo, feito em até 96 horas antes do jogo.

Ao longo da partida, foi possível ouvir anunciou no sistema de som do estádio, pedindo para que os presentes usassem máscara a respeitassem o distanciamento social.