Vinho na Vila reunirá mais de 200 rótulos nacionais, aulas e compras na Lagoa

Pelo sexto ano consecutivo, o evento itinerante Vinho na Vila desembarca no Rio de Janeiro para reunir amantes da bebida e, acima de tudo, admiradores dos rótulos nacionais. A atual edição, que será realizada nos próximos dias 16 e 17, das 11h às 21h, terá como cenário a Lagoa. Cerca de 20 vinícolas nacionais oferecerão tintos, espumantes, brancos e rosés para todos os gostos na Sede Náutica do Flamengo.

Festas 'juninas': Saiba onde vai ter arraial em julho

Música: Disco inédito de Gil foi descoberto por niteroienses

Larissa Fin, criadora e curadora do evento, diz que a ideia é desmistificar o mundo do vinho, levando esta cultura milenar para um ambiente informal, alegre e jovem.

— O evento é mais do que provar vinhos. É também sobre trocar experiências e criar boas lembranças. O Rio nos dá muita sorte. Foi aqui que começamos e o lugar onde somos muito bem acolhidos. Este ano, na Lagoa, teremos um espaço novo, lindo e superacessível. Estamos mais empolgados ainda. Eu acredito, e falo por toda a equipe, que vai ser um sucesso — diz.

Ela acrescenta que, além de levar os visitantes a um passeio pela cidade, uma das propostas do evento é apresentar produtores pouco conhecidos do grande público.

Colônias, parque do Buzz Lightyear, oficina de cinema: sugestões de programas para as férias escolares

— Já fizemos edições no Morro da Urca, no Píer Mauá, em Santa Teresa... Mudamos sempre o local para que as pessoas possam circular e conhecer vários cantos do Rio. Desta vez, será na Lagoa, um cartão-postal famoso, à beira do espelho d’água. Crianças e pets também são bem-vindos. A música vai permear todo o evento. Teremos DJs e também a apresentação de uma banda de jazz — afirma Larissa.

As cerca de 20 vinícolas participantes apresentarão ao público mais ou menos 200 rótulos admirados e premiados. Entre as confirmadas estão Fin, Tenuta Foppa &Ambrosi, Miolo, Vivant, Basso e Rio Sol. Sobre as novidades, ela diz:

— Teremos a marca carioca Oceà, que traz drinques à base de vinho em lata. E a Tenuta Foppa, uma vinícola de dois amigos bem jovens e que estão ganhando vários prêmios. Lucas Foppa e Ricardo Ambrosi se conheceram na primeira escola de enologia do Brasil, o Instituto Federal de Bento Gonçalves. Há ainda a Audace, de Pedro Pires, com seus rótulos bem coloridos e irreverentes —explica Larissa.

Gastronomia: Após cisão na sociedade, Bar do Elias da Barra muda de nome e conceito

Sommelière, bartender e jornalista especializada em alimentos, bebidas, enoturismo e negócios do vinho, Sílvia Mascella Rosa faz a curadoria das vinícolas desde a primeira edição do evento,em 2016 em São Paulo.

— Com esse trabalho, tive a chance de acompanhar de perto a evolução dos produtos e também dos consumidores de vinhos brasileiros —relata Sílvia.

Uma parte do evento será uma feira aberta ao público para degustações de queijos e azeites, aulas, diversão e compras, principalmente de produtos de gastronomia e de decoração. Os ingressos para a área restrita, onde ficam os representantes das vinícolas, custam a partir de R$ 99, mais taxa. Para comprá-lo, é necessário acessar o site www.vinhonavila.com.br. Todos os ingressos incluem degustação de todos os rótulos, taça de cristal e uma ecobag do evento.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos