Vítima de pedófilo, criança pode ser processada por enviar nude ao criminoso

Menina pode responder criminalmente por ter enviado nudes a um pedófilo (Rex/posada por modelo)

Uma menina de 12 anos que enviou uma foto com os seios à mostra para um pedófilo, online, pode ser processada.

Apesar de ter sido pressionada a enviar a foto explícita em seu iPad, ela descobriu que está sendo investigada pela polícia por enviar uma imagem indecente.

A menina, que não foi identificada, foi atraída no Instagram e recebeu inúmeros pedidos para que enviasse fotos em que estivesse nua.

No entanto, ela se recusou a enviar mais fotos após o pedófilo ter exigido imagens mais explícitas.

A menina enviou uma imagem sua pelo iPad após ter sido bombardeada com pedidos do assediador (Rex)

Embora o criminoso permaneça em liberdade, o Centro de Exploração Infantil e Proteção Online (CEOP), aparentemente alertou que a criança pode responder criminalmente pelo ocorrido.

A mãe da criança, chocada com a situação, disse ao The Mirror: “Ela é a vítima. Ela foi coagida a enviar a foto. Há um pedófilo solto e eles estão falando em criminalizar uma menina”.

“Ela está assustada, chateada, preocupada com o que vai acontecer, e eu estou me questionando se fiz a coisa certa ao denunciar o caso”.

“Minha filha foi vítima de um pedófilo, mas agora ela pode ser julgada como uma criminosa. Se isso acontecer, pode incentivar outros pais a não denunciarem os abusos. Quem poderia saber que a lei funcionava assim?”

Ela acrescentou: “Não consigo acreditar. Como a vítima pode acabar com uma ficha criminal? Ela é uma menina, inocente, que cometeu um grande erro”.

“Mas chamá-la de criminosa? Como isso pode estar de acordo com o interesse público?”

A Agência Nacional do Crime do Reino Unido disse que a polícia precisa fazer um registro formal do crime (Rex)

Um porta-voz da Agência Nacional do Crime do Reino Unido (NCA) confirmou que a menina pode ser processada, dizendo: “A NCA sempre coloca o cuidado e a proteção das crianças e adolescentes em primeiro lugar”.

“Neste caso entendemos que a criança enviou uma imagem sua a outra pessoa. Se uma jovem é descoberta criando e compartilhando imagens, a polícia precisa registrar um crime e investigar”.

“Eles devem ser criteriosos para não dar prosseguimento a ações formais, se isso não for do interesse público”.

“A polícia é incentivada a usar uma abordagem baseada no bom senso para não criminalizar crianças de forma desnecessária”.

Billy Howarth, da organização Parents Against Grooming (Pais Contra o Aliciamento Infantil), disse ao The Mirror: “O foco deveria ser pegar o pedófilo, e não assustar uma criança de 12 anos. Eu espero que o bom senso prevaleça”.

Andy Wells