Viúva de Erasmo Carlos é consolada por filho do cantor em velório

Fernanda Passos, viúva do cantor e compositor Erasmo Carlos, chegou muito emocionada ao velório do marido. O corpo do artista está sendo velado nesta quarta-feira (23) no cemitério Memorial do Carmo, no bairro do Caju, localizado na zona norte do Rio de Janeiro.

Nos registros, ela aparece sendo abraçada por Léo Esteves, filho de Erasmo que vive no Canadá. O velório do eterno Tremendão foi restrito apenas aos amigos e familiares do músico.

Amigos de Erasmo Carlos, como o casal Boninho e Ana Furtado, o cantor Jorge Ben Jor e membros das bandas Detonautas e The Fevers, prestaram suas homenagens enviando coroas de flores para o cemitério.

Através das redes sociais, Fernanda publicou um texto de despedida para o marido: "Acordei e você não estava aqui. Renovei a assinatura do jornal para você na semana passada… Hoje ele chegou com você na capa! Amor, não era a capa que você merecia, você não podia dividir espaço com ninguém! Amor, o jornal da semana, do mês, do ano tem que falar de você… Você tem vida e amor para falarem de você todos os dias".

"Vido, tá doendo tanto! Você nunca reprimiu as minhas dores, sempre disse que eu podia chorar, sofrer… Eu não entendia, achava que você não estava se importando, mas notei que você estava me permitindo crescer, você estava ali, garantindo a minha segurança, por perto para que eu rompesse a casca do ovo sozinha, mas preparado para intervir caso eu me machucasse. Neném, eu tô fazendo tudo sozinha, como a gente era, só você e eu! Você está cuidando daí e eu daqui", prosseguiu a esposa do músico.

"Você sempre disse: trabalho com produção, as coisas são rápidas, diretas! Tô fazendo a produção direito, amor? Tô? Liguei para quem você queria? Confortei seus amigos? Seus filhos? Seus netos? Seus fãs? Sei que se eu falar chorando você não entende… Eu não tô chorando mais, amor, eu não vou falar chorando para que todos possam ouvir, para que você me ouça. Você dizia que gostava da melancolia que eu trazia no olhar, mas que eu sorria com os olhos. Vido, como eu vou sorrir? A melancolia tomou conta, o sorriso se afogou na dor, nas lágrimas, no pesar. Pra finalizar, eu sou Fernanda Esteves, como você queria e fez!", completou ela.

O cantor Erasmo Carlos morreu na última terça-feira (22) aos 81 anos. O Hospital Barra DOr informou que o artista estava internado desde o dia 2 de novembro com quadro de paniculite complicada por sepse de origem cutânea.