Vivienne Westwood completa 80 anos como uma das estilistas mais influentes de todos os tempos

O Globo
·1 minuto de leitura

Considerada uma das estilistas mais influentes de todos os tempos, Vivienne Westwood completa 80 anos nesta quinta-feira. E não faltam momentos marcantes na trajetória da inglesa, que levou a supermodelo Naomi Campbell ao chão com um de seus sapatos e vestiu os punks. Ah, e ela ainda título de Dama do Império Britânico.

Tudo começou no início da década de 1970, quando a designer conheceu Malcolm McLaren, empresário dos Sex Pistols que mais tarde viria a ter um filho com a criadora. Juntos, eles criaram o look do movimento punk, inugurando ali uma estética libertária. A loja no bairro de Chelsea, em Londres, mudava de nome constatemente. Foi Let It Rock, Too Fast To Live, Too Young To Die, Sex...

A estreia na passarela, no entanto, aconteceu apenas em 1981, na capital inglesa, dez anos depois da abertura da icônica loja, no 430 Kings Road. A coleção Pirates foi um sucesso de crítica por ir na contramão do que era "moda" nos anos 1970. Sem McLaren ao seu lado, Vivienne foi além e passou a desenhar coleções com forte inpiração histórica. A era vitoriana do romantismo foi um de seus objetos. Ela também colocou a sensualidade em pauta.

Ainda na década de 1980, a estilista trouxe mais humor ao seu trabalho, parodiando as classes altas. Em 1992, recebeu a condecoração da Ordem do Império Britânico por serviços à moda. Sempre original, não usou roupas íntimas ao aceitar a homenagem da rainha no Palácio de Buckingham.