Vizcarra anuncia que se defenderá de novo julgamento de impeachment

·1 minuto de leitura
(Arquivo) O presidente do Peru, Martín Vizcarra

O presidente peruano Martín Vizcarra anunciou, nesta terça-feira (3), que acudirá ao Congresso para defender-se das acusações de suposta corrupção no novo julgamento político de impeachment contra ele, impulsionado pelo Parlamento opositor no próximo nove de novembro.

"Estaremos presentes no Congreso e estaremos como sempre, levando em mãos os argumentos da verdade, e esperamos que as forças democráticas sejam as que prevaleçam e que se pense primeiro no Peru", disse Vizcarra à imprensa durante uma visita na região Lambayeque ao norte do país.

"Terei que ir ao Congresso para justificar meus atos e (demonstrar) a carência de argumentos (da acusação)", afirmou Vizcarra, alegando que o julgamento "por incapacidade moral" paralisa o país e semeia mais incerteza em meio a pandemia.

ljc/cm/mps/aa

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos