'Você tem 27, quero só uma superintendência', pediu Bolsonaro a Moro de acordo com depoimento

Moro afirma que Bolsonaro pediu mudança na PF do Rio. (Marcos Correa/Oficina Presidencial de Brasil via AP)

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro afirmou, em seu depoimento prestado à Polícia Federal no sábado (2), que o presidente Jair Bolsonaro lhe pediu diretamente a indicação de um novo superintendente para a PF do Rio de Janeiro.

“A mensagem tinha, mais ou menos, o seguinte teor: ‘Moro, você tem 27 Superintendências, eu quero apenas uma, a do Rio de Janeiro”, afirmou Moro, segundo o depoimento obtido na íntegra pela emissora CNN Brasil. Confira aqui a íntegra do depoimento do ex-ministro.

Leia também

Moro afirmou no depoimento que o pedido para troca aconteceu em março deste ano por mensagem de celular durante uma viagem a Washington, nos Estados Unidos. Na ocasião, inclusive, Moro afirmou que estava presente na viagem oficial o ex-diretor-geral da PF Maurício Valeixo, trocado por Bolsonaro e pivô da demissão de Moro da pasta.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Nesta terça-feira (5), o novo diretor-geral da Polícia Federal, Rolando Souza, decidiu trocar a chefia da Superintendência da PF no Rio de Janeiro, foco de interesse da família Bolsonaro.

A troca acontece um dia após a nomeação de Rolando Souza para o cargo. O novo superintendente do Rio ainda não foi definido. Carlos Henrique Oliveira, que era o atual chefe da PF no estado, foi convidado para ser o diretor-executivo, número dois na hierarquia do órgão.

Logo após a decisão da troca da chefia da Superintendência do Rio, a PGR (Procuradoria-Geral da República) afirmou que irá investigar se há motivos indevidos para a troca. O caso será analisado no inquérito já aberto pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF).