Volta de Neymar faz seleção virar chave após cortes e clima leve tem até dancinha

A volta de Neymar, confirmado para jogar as oitavas de final da Copa do Mundo contra a Coreia do Sul, nesta segunda-feira, mudou o clima na seleção brasileira. Depois dos cortes de Alex Telles e Gabriel Jesus e a derrota para Camarões, o luto deu lugar à alegria no treinamento deste domingo, véspera do confronto diante da Coreia do Sul.

Simulador: você decide quem será campeão da Copa do Catar

Tabela da Copa: Datas, horários e grupos do Mundial do Catar

Com o camisa 10 em campo e treinando normalmente, a atividade teve animação diferente, com direito a dança e música. Durante o aquecimento, os jogadores cantaram e obrigaram o volante Fabinho a fazer o "passinho" de funk. Com a bola rolando, mesmo assim, o ambiente leve se manteve, a medida que Neymar treinava normalmente.

O craque foi um dos mais animados e contagiou a todos. Diferentemente do treino sem o jogador, Tite esboçou sorrisos e posou junto aos atletas da delegação. Tanto nas coletivas de imprensa como nas redes sociais, todos se solidarizaram com Telles e Jesus, mas indicaram que era preciso seguir em frente, até pelos companheiros.

Álbum completo: conheça todos os 831 jogadores da Copa

Ao vivo: Bastidores, informações e análises da cobertura direto de Doha

Brasil x Coreia do Sul

Além de Neymar, o Brasil terá o retorno de Danilo. Alex Sandro ainda não volta, e fez um treino físico separado do grupo. Sem ele, Tite deve improvisar Danilo e lançar ou Militão ou Dani Alves na direita. O jogo será às 16h, no estádio 974.