Voluntárias ensinam e Marta se arrisca em versão japonesa da música da seleção

·1 minuto de leitura
Marta marcou duas vezes na estreia da Olimpíada - Foto: Pablo Morano/BSR Agency/Getty Images
Marta marcou duas vezes na estreia da Olimpíada - Foto: Pablo Morano/BSR Agency/Getty Images

Marta deu mais uma demonstração de seu carisma na saída do treino da seleção feminina de futebol nesta quinta-feira em Sendai. Ensinada por voluntários e equipes de apoio, a craque arriscou-se a cantar a música que se tornou símbolo da equipe brasileira na Olimpíada.

Chamada “Brasil Chegou”, e composta por Gabi Fernandes e Charles Gavin, a canção conquistou as jogadoras e já havia sido cantada por Marta em outras oportunidades. Desta vez, porém, a Rainha se jogou na tradução japonesa e arriscou alguns versos.

Leia também:

A música, aliás, conquistou os funcionários que trabalhavam nesta quinta-feira no CT em Sendai. O refrão que canta “pode avisar, Brasil chegou” e “avisa lá que vai ter gol” foi entoado, em japonês, até pelo segurança do local.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

A seleção brasileira fez apenas um trabalho regenerativo em Sendai nesta quinta-feira. A equipe estreou com goleada sobre a China por 5 a 0, na última quarta-feira, resultado que a coloca na segunda colocação do Grupo F, com os mesmos três pontos da Holanda, que fez 10 a 3 na Zâmbia e, por isso, lidera pelo saldo de gols.

As holandesas, aliás, serão as próximas adversárias do Brasil na Olimpíada, sábado, às 8 horas (de Brasília), em Miyagi. Na terça, às 8h30 (de Brasília), em Saitama, a seleção encerra a participação na primeira fase contra a Zâmbia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos