Von der Leyen vai propor apoio até 18 mil milhões de euros à Ucrânia

Ursula von der Leyen vai propor esta semana à União Europeia (UE) um pacote de financiamento para a Ucrânia até 1,5 mil milhões de euros por mês, ao longo do próximo ano. A proposta da presidente da Comissão Europeia contempla uma ajuda total até 18 mil milhões de euros para cobrir as funções essenciais do Estado.

O anúncio deste apoio surge na sequência de um telefonema entre von der Leyen e Volodymyr Zelenskyy.

Em comunicado, a Comissão explica ainda que o dinheiro segue para Kiev na forma de empréstimos de longo prazo em condições muito favoráveis e que vai cobrir os custos de juros, com o objetivo também de "apoiar as reformas da Ucrânia e o seu caminho para a adesão à UE".

O executivo comunitário realça que o pacote de financiamento ao país em guerra "terá de ser acompanhado por um apoio semelhante de outros grandes doadores", tendo confirmado "trabalhos em curso" para continuar a fornecer ajuda humanitária imediata, especialmente durante o inverno.