CORREÇÃO-Wall St encerra em forte baixa com tombo da Amazon e temores sobre inflação

Operadores trabalham no salão da Bolsa de Valores de Nova York

(Corrige no penúltimo parágrafo para "1939" em vez de "1932")

Por Bansari Mayur Kamdar e Noel Randewich

(Reuters) - Wall Street registrou suas maiores perdas diárias desde 2020 nesta sexta-feira, sob impacto de uma queda livre nas ações da Amazon, após a empresa divulgar um relatório trimestral sombrio e conforme o maior aumento na inflação mensal nos Estados Unidos desde 2005 assustou investidores já preocupados com a alta da taxa de juros.

O índice S&P 500 fechou em queda de 3,63%, a 4.131,93 pontos. O Dow Jones caiu 2,77%, a 32.977,21 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuou 4,17%, a 12.334,64 pontos. O S&P 500 registrou seu maior declínio diário desde junho de 2020. A baixa do índice de tecnologia Nasdaq foi a maior desde setembro de 2020.

A Amazon.com Inc despencou 14,05%, baixa mais acentuada desde 2006. A ação, com forte presença nas carteiras de investidores, está perto de mínimas em dois anos.

Na quinta-feira, a gigante do comércio eletrônico divulgou dados e perspectivas trimestrais decepcionantes, sufocada por custos mais altos. [nL2N2WQ3AE]

Todos os 11 setores do índice S&P 500 cederam, liderados por uma queda de 5,9% nas ações de consumo discricionário e perdas de 4,9% em papéis do setor imobiliário <.SPLRCR>.

O Nasdaq recuou cerca de 13% em abril, pior desempenho mensal desde a crise financeira global em 2008.

O S&P 500 cai 13% no acumulado de 2022, seu pior declínio nos primeiros quatro meses de um ano desde 1939.

Na semana, o S&P 500 caiu 3,3%, o Nasdaq enfraqueceu 3,9% e o Dow Jones perdeu 2,5%. O Fed deve se reunir na próxima semana, com operadores apostando em um aumento de 50 pontos-base na taxa de juros para combater a inflação em alta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos