Wall Street fecha sem direção após recuo de Trump

Wall Street, perto do prédio da Bolsa de Nova York, em 9 de novembro de 2016

O Dow Jones caiu nesta sexta-feira e o Nasdaq teve alta em uma sessão que terminou com a inesperada decisão do presidente americano, Donald Trump, de retirar sua projetada reforma do sistema de saúde.

O índice industrial Dow Jones caiu 0,29%, a 20.596,72 unidades, e o Nasdaq avançou 0,19%, a 5.828,74 unidadesm enquanto o S&P 500 recuou 0,08%, a 2.343,98 unidades.

A proposta, que revoga o sistema conhecido como Obamacare sancionado por seu antecessor, se encaminhava a uma derrota certa devido à falta de votos do Partido Republicano de Trump.

Líderes do Congresso cancelaram a votação a pedido de Trump quando a questão estava para ser iniciada. Na quinta-feira, Trump pressionou parlamentares pessoalmente e pelo Twiter.

As ações estavam em baixa pouco antes da decisão. O mercado se recuperou quando a votação foi cancelada, mas não o suficiente para que o Dow Jones e o S&P conseguissem terminar em alta.

No mercado de títulos às 20H20 GMT o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos caiu para 2,413% de 2,414% de quinta-feira e o dos bônus a 30 anos recuou 3,015%, contra 3,022% da sessão passada.