Weibo suspende contas de influencers de criptomoedas

·1 minuto de leitura
Contas que desapareceram na rede social Weibo tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin
Contas que desapareceram na rede social Weibo tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin

A rede social Weibo, conhecida como “Twitter chinês”, suspendeu no último sábado (5) diversas contas de influencers de criptomoedas.

Usuários da própria rede chegaram a postar que aproximadamente 25 contas de influenciadores e sites que tratavam do assunto, como o Blockbeats e o 8BTC, ficaram inacessíveis repentinamente. Os influencers que tentaram acessar a plataforma alegaram que seus nomes de usuário deixaram de existir.

Leia também:

As contas que desapareceram tinham em comum o grande número de seguidores e a discussão ativa sobre os assuntos bitcoin, projetos cripto e finanças descentralizadas, o que fez os usuários desconfiarem de censura por parte do governo chinês.

Um dos influenciadores mais conhecidos da China sobre o assunto, SuperBTC, confirmou no Twitter que teve a conta suspensa e pediu que o seguissem naquela outra rede social.

“Weibo, o Twitter chinês, suspendeu contas de diversos influenciadores de crypto, incluindo a minha conta. Fique à vontade para me seguir aqui. Pelo menos o Twitter é mais favorável à critpo”, escreveu.

Não foi a primeira vez que a Weibo suspendeu contas que tratam do assunto criptomoedas. A rede também não esclareceu os motivos das suspensões.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos