WhatsApp testa função que permite conexão em dois celulares

Ao fazer o download do WhatsApp em outro dispositivo móvel, como por exemplo um tablet, será preciso escanear um QR Code para vinculá-lo ao app no smartphone (REUTERS/Dado Ruvic/Illustration)
Ao fazer o download do WhatsApp em outro dispositivo móvel, como por exemplo um tablet, será preciso escanear um QR Code para vinculá-lo ao app no smartphone (REUTERS/Dado Ruvic/Illustration)
  • Nova versão do WhatsApp irá possibilitar a conexão de dois dispositivos móveis ao mesmo tempo;

  • Assim como no computador, o segundo dispositivo não exigirá conexão à internet do celular para funcionar;

  • Ainda não há confirmação de quando o recurso chegará aos usuários.

Semelhante à possibilidade de se utilizar o WhatsApp simultaneamente no computador e no celular, o aplicativo de conversas agora testa um novo recurso: o de conseguir conectar dois dispositivos móveis ao mesmo tempo. As informações são do site especializado WABetaInfo.

Segundo o site, ao fazer o download do aplicativo em outro dispositivo móvel, como por exemplo um tablet, será preciso escanear um QR Code para vinculá-lo ao app no smartphone. E assim como no computador, o segundo dispositivo não exigirá conexão à internet do celular para funcionar.

Ainda não há confirmação de quando o recurso chegará aos usuários.

Inovações

No início do mês, a Cielo anunciou uma parceria com a Meta Platforms, empresa de Mark Zuckerberg dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, para realizar transações por meio do aplicativo de mensagens instantâneas da empresa.

A iniciativa conjunta irá permitir que os consumidores possam realizar pagamentos em lojas e outros estabelecimentos utilizando o WhatsApp. Atualmente o mensageiro já é capaz de realizar a transferência de quantias entre pessoas, mas agora ele será capaz também de fazer pagamentos em débito e crédito.

Em agosto, o aplicativo de mensagem da Meta anunciou três novas atualizações voltadas para a privacidade de quem utiliza a plataforma.

Com a mudança, será possível escolher quem poderá visualizar o status online, além de sair de grupos indesejados sem notificar os participantes. Outro recurso importante é a possibilidade de bloquear capturas de tela para mensagens de visualização única.

Atualização para Android

A partir do próximo dia 30, pelo menos 38 modelos com interface Android deixarão de receber suporte do aplicativo. Para estes casos, a única solução para continuar usando o WhatsApp é comprar outro smartphone.

O portal Olhar Digital organizou uma lista por marca e modelos que não serão mais compatíveis com o WhatsApp. Confira:

LG

  • LG Lucid 2;

  • LG Optimus F7;

  • LG Optimus L3 II Dual;

  • LG Optimus F5;

  • LG Optimus L5 II;

  • LG Optimus L5 II Dual;

  • LG Optimus L3 II;

  • LG Optimus L7 II Dual;

  • LG Optimus L7 II;

  • LG Optimus F6;

  • LG Promulga;

  • LG Optimus L4 II Dual;

  • LG Optimus F3;

  • LG Optimus L4 II;

  • LG Optimus L2 II;

  • LG Optimus F3Q.

Samsung

  • Samsung Galaxy Trend Lite;

  • Samsung Galaxy Trend II;

  • Samsung Galaxy S3 mini;

  • Samsung Galaxy Xcover 2;

  • Samsung Galaxy Core;

  • Samsung Galaxy Ace 2.

Huawei

  • Huawei Ascend G740;

  • Huawei Ascend Mate;

  • Huawei Ascend D2.

ZTE

  • ZTE Grand S Flex;

  • ZTE V956 – UMi X2;

  • ZTE Grand X Quad v987;

  • ZTE Grand Memo.

Outros modelos

  • Archos 53 Platina;

  • HTC Desire 500;

  • Caterpillar B15;

  • Sony Xperia M;

  • Wiko Cink Cinco;

  • Wiko Darknight;

  • Lenovo A820;

  • Faea F1;

  • THL W8.