Wolves quer melar ida de Marquinhos para o Arsenal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Marquinhos contra o Everton, sua penúltima partida pelo Tricolor (PhotoSport/Agif)
Marquinhos contra o Everton, sua penúltima partida pelo Tricolor (PhotoSport/Agif)

O Wolverhampton vai tentar impedir a transferência de Marquinhos do São Paulo para o Arsenal. O Blog apurou que os Wolves já contrataram um escritório de advocacia no Brasil para processar o atacante. O motivo: ele teria assinado um pré-contrato com o Wolverhampton antes de fechar com o Arsenal.

O São Paulo não é parte do processo, mas pode se dar mal se houver uma reviravolta e a ida para o Arsenal subir no telhado. É que a ideia do Wolverhampton sempre foi levar Marquinhos para a Inglaterra sem custos, baseando-se no fim do contrato do atleta com o Tricolor.

Leia também:

Já o Arsenal topou bancar 3 milhões de euros ou R$ 15,5 milhões por 100% dos direitos econômicos do atacante. Vale lembrar que Leco, Raí e Pássaro haviam firmado um acordo de cinco anos com Marquinhos, porém a Fifa só reconhece contratos de até três anos quando da assinatura do primeiro vínculo. Ou seja, Marquinhos ficaria livre, aos olhos da Fifa, a partir de 1º de junho.

"O São Paulo ainda não recebeu o dinheiro do Arsenal, mas está tranquilo. Até porque o acordo tem garantias jurídicas e o jogador, inclusive, já passou por exames médicos", afirma um dirigente importante do Tricolor, em contato com o Blog.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos