Xavi evita definir PSG como erro, elogia Neymar, mas alerta: “Pode fazer a diferença, mas depende da ambição dele”

(Foto: Reuters)


Por Tiago Leme, de Doha, no Qatar (@tiago_leme)

Durante as duas temporadas em que Xavi e Neymar atuaram juntos pelo Barcelona, de 2013 a 2015, o meio-campista espanhol era umas das pessoas que mais dava conselhos para o brasileiro. Hoje cada um seguiu seu caminho, mas a boa relação e os 12 anos de diferença de idade entre eles fazem com que o mais experiente ainda tenha palavras de afeto para o atleta mais jovem. Os dois inclusive ainda mantêm conversas à distância e trocam mensagens. Em entrevista ao “Yahoo Esportes”, o atual técnico do Al Sadd, do Qatar, rasgou elogios ao atacante do Paris Saint-Germain, destacou a capacidade do atacante, mas também fez um alerta.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Para Xavi, a qualidade de Neymar dentro de campo é indiscutível, mas é preciso ter cabeça boa para que este talento resulte em uma carreira de sucesso.

Leia também:

“Eu sei das condições do Neymar, sei da capacidade dele e ele pode fazer a diferença todo tempo, mas isso depende dele. Depende da mentalidade dele, da ambição dele, da paixão dele, porque ele tem tudo para jogar futebol e fazer a diferença no melhor nível. E ele é um cara bom, eu posso dizer que ele é um cara muito bom, boa pessoa, bom profissional na equipe. Então depende dele, depende do desempenho dele dentro de campo, apenas isso”, afirmou o espanhol.

Cotado nos últimos dias para assumir o cargo de treinador do Barcelona no caso de saída de Ernesto Valverde, Xavi conversou com a reportagem do “Yahoo” no último dia 23 de dezembro, em Doha, após a goleada de sua equipe por 5 a 1 sobre o Al Gharafa, pela Liga do Qatar, país onde ele vive há quatro anos e meio. Nas respostas, apesar do alerta, classificou o antigo companheiro de equipe como “um cara bom, boa pessoa”. Durante a carreira, o comportamento de Neymar em determinadas situações já foi motivo de críticas e gerou polêmicas.

Aos 39 anos, Xavi colocou Neymar, atualmente com 27 anos, entre os melhores do mundo, apenas um degrau abaixo do argentino Messi. Porém, o ex-jogador do clube catalão lamentou as lesões sofridas pelo brasileiro nos momentos decisivos das duas últimas temporadas pelo PSG, quando o camisa dez fraturou o quinto metatarso do pé direito e desfalcou o time em jogos importantes.

“Eu acho que o problema do Neymar foi que ele se machucou nos dois últimos anos bem no momento da Champions League, dos grandes eventos, das grandes competições. Este foi o problema dele. Esta temporada a gente vai poder ver o Neymar no momento certo. Na minha opinião ele é um dos melhores jogadores do mundo. O Messi está aqui acima, mas o Neymar está no segundo degrau. Ele pode fazer a diferença, é um jogador inacreditável, tem um talento incrível. É um prazer vê-lo jogar e foi um prazer ter jogado no mesmo time que ele”, declarou.

Questionado se considerava um erro Neymar ter trocado o Barcelona pelo Paris Saint-Germain na metade de 2017 e se ele deveria voltar à Catalunha, Xavi evitou dar uma opinião concreta. Ele pensou bem antes de responder a pergunta, despistou e explicou que prefere esperar para ver antes o que vai acontecer nesta temporada, principalmente na reta final da Liga dos Campeões da Europa.

“Eu não posso dizer isso neste momento, talvez nessa temporada o Paris possa ganhar tudo, então minha opinião vai ser diferente. Talvez a gente possa ter uma opinião melhor em dois ou três anos”, justificou o espanhol ao “Yahoo Esportes”.

Em uma comparação do nível do futebol entre o Campeonato Espanhol e o Francês, Xavi ainda descartou que uma possível fragilidade dos adversários atuais de Neymar na França esteja prejudicando o desenvolvimento do atacante.

“Isso não é verdade, eu não concordo. A Liga Francesa é muito forte também. Claro que o Paris Saint-Germain está em um outro nível em relação aos outros times, mas é uma liga muito forte fisicamente, tem boa organização, bons treinadores. Não é fácil jogar na Liga Francesa”.

Antes do início da temporada 2019/2020, Neymar manifestou a sua vontade de retornar ao Barcelona, mas a negociação foi frustrada e ele permaneceu em Paris. Com contrato até o junho de 2022, o craque brasileiro está constantemente ligado a rumores de uma volta à Espanha. Já Xavi, que está no Al Sadd como atleta desde o meio de 2015, virou técnico na metade de 2019 e tem vínculo até junho de 2020, nunca escondeu seu desejo de um dia comandar o clube catalão.

Não é difícil imaginar que o reencontro entre os dois possa acontecer no futuro. Enquanto isso não se realiza, Neymar também retribuiu os elogios a Xavi ao ser perguntado sobre o espanhol neste domingo, após ter ótima atuação com dois gols no empate do PSG contra o Monaco, por 3 a 3, no Parque dos Príncipes.

“O Xavi como jogador é excepcional, e acho que também está bem como treinador. Se ele for o treinador do Barça, que sorte tem o Barça, porque o Xavi é uma grande pessoa, eu tive o prazer de jogar com ele, de ser seu companheiro e desejo toda a sorte do mundo”, disse Neymar.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

  • Saída de Meghan Markle da realeza era 'questão de vida ou morte', diz amiga
    Notícias
    O Globo

    Saída de Meghan Markle da realeza era 'questão de vida ou morte', diz amiga

    Fonte contou ao jornal britânico 'Daily Mail' que ambiente era 'tóxico'

  • Bolsonaro não queria demitir Alvim, mas foi convencido após ligação de Alcolumbre
    Notícias
    HuffPost Brasil

    Bolsonaro não queria demitir Alvim, mas foi convencido após ligação de Alcolumbre

    Pessoalmente, o presidente Jair Bolsonaro nao achou um problema a declaraçaodo agora ex-secretario da Cultura Roberto Alvim, em que ele apostou naretorica nazista.

  • Jovem tenta ensaio fotográfico com cachorro, mas acaba levando mordida no rosto; confira
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Jovem tenta ensaio fotográfico com cachorro, mas acaba levando mordida no rosto; confira

    Apesar dos ferimentos causados, a argentina reprovou os comentários negativos contra o cachorro e garantiu que não guarda rancor

  • Brady esvazia camarote de Gisele Bündchen em estádio, aumentando rumores de saída dos Patriots
    Notícias
    Extra

    Brady esvazia camarote de Gisele Bündchen em estádio, aumentando rumores de saída dos Patriots

    Novos acontecimentos apontam que o astro do futebol americano, Tom Brady, pode mesmo estar de saída...

  • Primeira-dama Michelle Bolsonaro faz propaganda de petshop em perfil oficial no Instagram
    Notícias
    Extra

    Primeira-dama Michelle Bolsonaro faz propaganda de petshop em perfil oficial no Instagram

    Michelle Bolsonaro usou sua conta oficial no Instagram, com mais de 1 milhão de seguidores, para...

  • Dieta de Adele foi para se manter saudável para o filho
    Notícias
    O Globo

    Dieta de Adele foi para se manter saudável para o filho

    Fonte próxima à cantora afirma que perda de peso não foi questão de aparência

  • Modelo russa é apontada como affair de Neymar por tabloide inglês
    Notícias
    Extra

    Modelo russa é apontada como affair de Neymar por tabloide inglês

    Neymar está no noticiário mais uma vez. mais precisamente no tabloide inglês “The Sun”, que...

  • 'Primeira boneca trans do mundo' causa revolta na Rússia
    Notícias
    Yahoo Notícias

    'Primeira boneca trans do mundo' causa revolta na Rússia

    A Rússia é um país reconhecidamente conservador. Além disso, é uma nação que é acusada de não respeitar os direitos da comunidade LGBTQ

  • Lula revê discurso e ecoa Eduardo Bolsonaro com 'Lula solto não é Lula livre'
    Notícias
    Folhapress

    Lula revê discurso e ecoa Eduardo Bolsonaro com 'Lula solto não é Lula livre'

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "Mais uma da série 'Lula solto não é sinônimo de Lula livre'", tuitou o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) no dia 9 de novembro de 2019, um dia após o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixar a Superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba. Filho de Jair Bolsonaro, o deputado usou a expressão com conotação negativa para esfriar as celebrações de petistas com a soltura de Lula após 580 dias de prisão. O tuíte citado acompanhava uma reportagem sobre a impossibilidade de o líder do PT, que segue condenado, se candidatar à Presidência da República. Dois meses depois, Lula ecoa discurso semelhante. "Eu não estou livre, eu estou solto", afirmou em entrevista ao site Diário do Centro do Mundo transmitida pelo YouTube no dia 8 de janeiro. Ele completa: "É importante lembrar que tem muitos processos e eles vão inventando cada dia um. Eles não têm limite". Na última quarta-feira (15), em entrevista à TVT, Lula repetiu a frase.  A ideia, que já vem sendo replicada por entidades amigas do ex-presidente, tende a ganhar força a partir de reunião neste sábado (18) que vai atualizar e reposicionar para 2020 a campanha Lula Livre -bandeira de seus apoiadores no período da prisão. Estarão no encontro membros do PT, de outros partidos de esquerda e do Instituto Lula e movimentos sociais, como o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra). O trecho da entrevista do dia 8, em que o ex-presidente diz que está solto e não livre, foi repercutido em um vídeo do Boletim Lula Livre -que distribui por WhatsApp conteúdo em vídeo da campanha- e compartilhado pelo deputado federal Beto Faro (PT-PA) em sua conta no Twitter. Na sexta-feira em que Lula saiu da prisão, parte da militância comemorou a liberdade de Lula como a concretização do slogan. "Livre" e "solto" acabaram sendo vistas como palavras-chave para identificar pessoas que apoiavam ou não o ex-presidente. Após a euforia, o comitê Lula Livre revê a estratégia. "A gente fez até a reflexão se deveríamos mudar ou não o nome", afirma Ana Flávia Marx, coordenadora de comunicação da campanha. A conclusão, no entanto, foi de que a condição atual do petista não seria de liberdade. A jogada permite que o slogan ganhe fôlego e continue sendo usado. "Não tinha como a gente comemorar com 'Lula solto', mas a verdade é que aquele foi um momento de vitória parcial", diz. "É muito importante essa frase que o Lula está dizendo porque ainda podem acelerar o processo do sítio [de Atibaia], podem inventar outro processo e ele ser colocado de novo em cárcere", afirma Marx. Na nova fase, as principais demandas serão os questionamentos sobre a suspeição do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro, a anulação dos processos e a retomada dos direitos políticos de Lula. Lula foi solto após novo entendimento do STF (Supremo Tribunal Federal) sobre prisão em segunda instância, caso do ex-presidente. A corte considerou que ela só deve ocorrer depois do trânsito em julgado (fim dos recursos).  O petista ficou preso após ser condenado por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP). A condenação foi imposta inicialmente por Moro e ratificada depois na segunda instância pelo TRF-4  (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) e pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça), com variações no tamanho da pena.  Lula também foi condenado no caso do sítio de Atibaia (SP) em primeira e segunda instância. O Congresso se articula neste ano para rever a decisão do Supremo sobre a prisão de condenados antes do esgotamento dos recursos. Já foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara uma proposta de emenda à Constituição que, na prática, altera a classificação do que é considerado trânsito em julgado. A análise do questionamento de Lula sobre a suspeição de Moro está na Segunda Turma do STF e pode ser julgada este ano. A defesa do ex-presidente tenta a anulação das decisões do ex-juiz alegando que ele foi parcial no julgamento da Lava Jato.   As condenações impedem Lula de se candidatar. A Lei da Ficha Limpa, sancionada em 2010 pelo próprio petista quando presidente, veta a sua candidatura, pois proíbe que políticos cassados ou condenados em segunda instância concorram a eleições até completar oito anos do cumprimento de todas as penas. "Com o Lula solto cria-se essa falsa impressão de que o problema dele está resolvido. Mas a gente tem que continuar explicando que não, continuar organizando a população e explicar que a luta para continuar os plenos direitos políticos do Lula continua", afirma Paulo Okamoto, presidente do Instituto Lula. "O lema é Lula Livre e nós vamos trabalhar com as variáveis dele." O comitê Lula Livre foi criado em 2018 e, no site oficial, os internautas são encorajados a criar unidades em suas regiões. Internacionalmente, ganhou o nome de "Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil" e é coordenado pelo ex-chanceler Celso Amorim. "Muitos comitês no exterior se criaram espontaneamente. A gente só coordena", afirma o diplomata. Entre as atividades estão a distribuição de informações e a organização de abaixo-assinados. Fotos publicadas na conta do Instagram da CUT (Central Única dos Trabalhadores) mostram a evolução do entendimento da campanha desde a soltura do ex-presidente. Um dia antes de Lula sair da prisão, o entidade postou uma ilustração de Lula com a palavra "livre". No dia 29 de novembro, outro desenho dizia: "Não existe meia liberdade. Por isso, só existe Lula Livre por inteiro!". Ilustração semelhante à primeira, mas com a palavra "inocente", foi publicado no dia 5 de dezembro. A hashtag Lula Inocente tem sido usada com o slogan oficial de maneira espontânea. Segundo militantes do partido, logo após a soltura de Lula, a inclusão da frase à campanha foi cobrada isoladamente por manifestantes, mas as tentativas não vingaram. Marx, coordenadora de comunicação da campanha, afirma que a decisão de não mudar foi para não perder o trabalho feito até então. "Hoje junta gente em um show e grita Lula Livre, fazem reunião em uma entidade e falam Lula Livre. Isso mostra a clareza da nossa narrativa desde o começo", afirma.

  • Jovem que salvou criança de ataque de pitbull no Rio consegue emprego
    Notícias
    Extra

    Jovem que salvou criança de ataque de pitbull no Rio consegue emprego

    Patrick do Céu, de 20 anos, ficou conhecido após salvar uma criança de cinco anos do ataque de um...

  • Demissão de Roberto Alvim saiu barata: apologia ao nazismo é crime
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Demissão de Roberto Alvim saiu barata: apologia ao nazismo é crime

    “Ainda que o secretário não tenha feito uso da cruz suástica, o discurso plagiando o pensamento da propaganda nazista não deixa de ser equivalentemente criminoso”, dizem juristas

  • Cachorro chama a atenção de dono ao tocar a buzina do carro na Austrália; veja o vídeo
    Notícias
    Extra

    Cachorro chama a atenção de dono ao tocar a buzina do carro na Austrália; veja o vídeo

    Uma cena curiosa aconteceu entre um cachorro e seu dono em Melbourne, na Austrália, há uma semana,...

  • Flamengo pagará por empréstimo de Pedro e abaterá valor em caso de compra
    Notícias
    Extra

    Flamengo pagará por empréstimo de Pedro e abaterá valor em caso de compra

    O Flamengo não conseguiu a liberação da Fiorentina para ter o atacante Pedro em 2020, de graça. O...

  • Novo presidente da Guatemala rompe relações com a Venezuela
    Notícias
    AFP

    Novo presidente da Guatemala rompe relações com a Venezuela

    O recém-empossado presidente da Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou nesta quinta-feira (16) que seu país rompe relações diplomáticas com o governo socialista da Venezuela.

  • Notícias
    Folhapress

    Guarda municipal morre em SP após ser agredido por homem que fumava narguilé em parque

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O guarda municipal Benedito Manoel da Silva, 56, morreu na madrugada desta quinta (16) após ter sido agredido por um homem no parque Celso Daniel, em Santo André.  A agressão ocorreu por volta das 16h45 desta quarta (15), segundo a GCM (Guarda Civil Municipal) da cidade.  O agente teria ido ao local após frequentadores do parque se queixarem de que um homem usava narguilé (cachimbo de água usado para fumar tabaco aromatizado) perto do playground das crianças. Silva, então, foi até o espaço e pediu para que ele fumasse em outro ponto do parque.  O agente voltou à sala de segurança da GCM mas, minutos depois, os frequentadores disseram que o homem continuava a fumar perto das crianças. Foi falar com o usuário novamente e foi agredido com socos no peito. O agressor foi detido por outro guarda, mas liberado depois. A vítima foi encaminhado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Central. Teve três paradas cardiorrespiratórias e foi transferida para o Centro Hospitalar Municipal Newton da Costa Brandão, mas não resistiu aos ferimentos.  Silva estava na corporação havia 33 anos. O velório começou às 9h no cemitério do Curuçá, em Santo André. O sepultamento será às 17 no mesmo local.  O caso é investigado pelo 4° Distrito Policial de Santo André. Foi registrado como lesão corporal e resistência. Após a morte do agente, foi feito um novo boletim de comunicação de óbito pelo 1º DP do município, segundo a SSP (Secretaria da Segurança Pública de São Paulo). Por ora, não é tratado como homicídio. A polícia aguarda o resultado da perícia para determinar a causa da morte de Silva.

  • Maia pede afastamento de secretário da Cultura: 'Inaceitável'
    Notícias
    O Globo

    Maia pede afastamento de secretário da Cultura: 'Inaceitável'

    Em rede social, o presidente da Câmara afirmou que Roberto Alvim 'passou de todos os limites'

  • Notícias
    O Globo

    Maior jornal do Canadá diz que Meghan Markle e príncipe Harry não são 'bem-vindos'

    Segundo veículo, país não é uma 'casa de recuperação' para fugir da realeza

  • Rafael Cardoso ganha 6kg para novela e diz que malha todos os dias: 'Projeto 60 anos'
    Notícias
    Extra

    Rafael Cardoso ganha 6kg para novela e diz que malha todos os dias: 'Projeto 60 anos'

    Em "Salve-se quem puder", nova novela das 7, que estreia dia 27, Rafael Cardoso vai aparecer em...

  • Projeto leva autoestima para pessoas gordas e discute preconceito
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Projeto leva autoestima para pessoas gordas e discute preconceito

    Movimento Vai Ter Gorda nasceu em janeiro de 2016 e busca melhorar sociedade para quem está acima do peso.

  • Witzel diz que despoluição do Guandu depende de verba obtida com leilão da Cedae
    Notícias
    Extra

    Witzel diz que despoluição do Guandu depende de verba obtida com leilão da Cedae

    A despoluição no Rio Guandu, usado pela Cedae para a captação de água, passa, segundo o governador...

  • Bolsonaro proíbe jornalista da Folha de fazer pergunta e emenda ofensa: 'Cala a boca!'
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Bolsonaro proíbe jornalista da Folha de fazer pergunta e emenda ofensa: 'Cala a boca!'

    Presidente atacou novamente Folha de S.Paulo ao ser questionado pela reportagem sobre a sanção do projeto do fundo eleitoral

  • Inscrições no Sisu começam na semana que vem; veja dicas para escolher o curso
    Notícias
    O Globo

    Inscrições no Sisu começam na semana que vem; veja dicas para escolher o curso

    Candidatos devem selecionar até duas opções; aluno poderá ver classificação parcial e buscar alternativas

  • Mulher é forçada a fazer teste de gravidez em voo de Hong Kong
    Notícias
    AFP

    Mulher é forçada a fazer teste de gravidez em voo de Hong Kong

    Uma companhia aérea de Hong Kong obrigou uma japonesa a fazer um teste de gravidez antes de permitir que ela embarcasse para uma ilha do Pacífico para onde muitas mães viajam para que seus filhos tenham nacionalidade americana.

  • Carlos Eduardo se desculpa por declaração sobre o futuro do Flamengo: 'Me arrependo'
    Notícias
    Extra

    Carlos Eduardo se desculpa por declaração sobre o futuro do Flamengo: 'Me arrependo'

    "Daqui a alguns anos, ninguém mais vai querer jogar lá". A frase dita por Carlos Eduardo em 2014,...

  • China registra taxa de natalidade mais baixa desde 1949
    Notícias
    AFP

    China registra taxa de natalidade mais baixa desde 1949

    A China registrou em 2019 a taxa de natalidade mais baixa desde que foi fundado o Partido Comunista no poder, em 1949, somando uma pressão a mais à desaceleração de uma economia que já sofre com o envelhecimento da sociedade e com a diminuição da força de trabalho.