Xiaomi 12 Lite passa pela Anatel e pode chegar em breve ao Brasil

A Xiaomi deverá aumentar em breve a sua lista de smartphones intermediários com o Xiaomi 12 Lite, e novas homologações recebidas pelo aparelho na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostram que ele poderá ser vendido em breve no mercado nacional.

Número de modelo confirma a homologação do Xiaomi 12 Lite (Imagem: Captura de tela/Vinícius Moschen)
Número de modelo confirma a homologação do Xiaomi 12 Lite (Imagem: Captura de tela/Vinícius Moschen)

A documentação não entrega muitos detalhes técnicos do dispositivo, mas revela que ele virá com a bateria BP4B. O componente já tinha sido certificado anteriormente no Brasil, com a capacidade nominal de 4.200 mAh — portanto, tudo indica que o Xiaomi 12 Lite virá com uma capacidade típica próxima de 4.500 mAh.

Ademais, a caixa do celular deverá trazer um carregador de código MDY-12-EH, adaptador com suporte para recargas de até 67 W.

Xiaomi 12 Lite — possíveis especificações

Dispositivo deverá ter Snapdragon 778G e câmera principal de 64 MP (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Dispositivo deverá ter Snapdragon 778G e câmera principal de 64 MP (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

Na certificação, o dispositivo aparece com o código 2203129G, em que a última letra da sequência confirma a presença de uma versão global. Por meio do número de modelo, também é possível fazer relações diretas com testes de benchmark localizados em meses anteriores.

De acordo com o Geekbench, o aparelho virá com o processador Snapdragon 778G, plataforma que já foi utilizada no Xiaomi 11 Lite 5G NE, por exemplo. O chipset conta com quatro núcleos de alta performance a 2,4 GHz, e mais quatro voltados para eficiência energética a 1,8 GHz — sua GPU é a Adreno 642L.

O teste também confirmou que o aparelho terá pelo menos uma versão com 8 GB de RAM, mas outras variantes não estão descartadas. Além disso, ele rodará o Android 12 de fábrica, junto com a interface MIUI típica da Xiaomi.

Renderizações prévias já mostraram que o Xiaomi 12 Lite poderá trazer três câmeras traseiras, e rumores apontam que seu sensor principal deverá ser de 64 MP. Na parte frontal, a câmera de selfies aparece em um furo centralizado no display, que pode ter bordas finas e laterais curvadas.

A tela do aparelho poderá ter 6,55 polegadas, ou seja, maior do que as 6,28 polegadas vistas no Xiaomi 12 padrão. É possível esperar que o painel tenha tecnologia AMOLED, resolução Full HD+ e suporte para altas taxas de atualização a 90 ou 120 Hz.

A Xiaomi ainda não divulgou uma data específica para o lançamento do dispositivo, mas o aparecimento em certificações indica que ele poderá chegar nas próximas semanas. Até lá, mais detalhes técnicos poderão ser vazados.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos