Xuxa fala sobre boatos de romance com mulheres e da conversão de Sasha: 'Religiosa ao extremo'

·2 minuto de leitura

Ao longo de sua carreira, Xuxa viu seu nome envolvido em alguns boatos, como os que davam como certo seu relacionamento com mulheres. Hoje, com posições firmes feitas publicamente (a luta contra a homofobia é uma delas), a apresentadora fala sobre o assunto, mas nega já ter tido atração por mulheres.

"Sempre falaram muito sobre isso, mas nunca me senti atraída por uma mulher. Se acontecer, todo mundo vai saber. Agora, é impressionante o número de críticas de pessoas públicas e ataques na internet que recebi por causa do livro ("Maya: Bebê Arco-Íris" conta a história de uma menina, filha de duas mulheres). Fico envergonhada de ver que neste ponto, em vez de evoluir, estamos em decadência", disse Xuxa em entrevista à "Veja".

Leia também: Musa dos anos 90, Regininha Poltergeist revela ter se prostituído: 'Fiz muitos programas para sustentar meu filho'

Depressão pós-parto

Na mesma entrevista, Xuxa faz uma revelação, que, segundo ela, é de conhecimento de poucas pessoas: "Pouca gente sabe, mas tive depressão pós-parto. No início, achei que era porque eu não conseguia emagrecer, mas se tratava de um problema hormonal. Passei um período chorando por tudo. A questão é que tive uma experiência ruim com terapia aos 23 anos, quando também fui assediada. A terapeuta me induziu a relaxar e, quando despertei, ela estava tocando no meu seio. Nunca mais fiz".

Mãe foi tratada com maconha medicinal

A apresentadora conta também que só ficou bêbada uma única vez, depois da morte do ex-namorado, o piloto Ayrton Senna, e fala sobre drogas: "Tenho intolerância a álcool. Quando o Beco morreu, tomei um copo de vinho e fiquei bêbada. Na doença da minha mãe, ela usou maconha medicinal para o Parkinson e minha filha perguntou se eu tinha curiosidade de provar. Disse que não. Aliás, sempre querem saber se a Sasha fuma maconha. Nao fuma. Ela própria me contou que já provou, mas não é a dela. Inclusive, agora virou evangélica, religiosa ao extremo".

'A gente transa demais'

Há quase nove anos com o ator e cantor Junno Andrade, com quem não faz planos de casamento, Xuxa diz que agora a vida pessoal se tornou uma prioridade: "Depois de ter priorizado o trabalho por tanto tempo, tenho a chance de viver um relacionamento 100%. O Ju ainda tem casa em São Paulo, mas estamos juntos quase todos os dias. A gente se agarra demais, beija demais, ri demais e transa demais. Gostar, eu gosto de chocolate. Sexo eu adoro".