Yahoo nomeia ex-Tinder como seu novo presidente

·1 minuto de leitura
Jim Lanzone, presidente do Yahoo

Por Eva Mathews

(Reuters) - O Yahoo nomeou nesta sexta-feira o chefe do Tinder, Jim Lanzone, como seu presidente-executivo, dias após a Apollo Global completar a compra da empresa de mídia da Verizon.

Em 1º de setembro, a Apollo fechou a compra de 5 bilhões de dólares da Verizon Media e a rebatizou de Yahoo, como a icônica marca digital da Verizon. AOL, TechCrunch, Makers, Ryot e Flurry eram algumas das outras marcas sob o guarda-chuva da Verizon.

A Apollo quer expandir produtos como o Yahoo Finance e Yahoo Sports por meio de iniciativas que incluem assinaturas e também com foco em anúncios e plataformas de e-commerce.

A Match, dona do Tinder, nomeou Renate Nyborg como presidente do aplicativo de encontros no lugar de Lanzone.

Nyborg foi diretora-geral do Tinder na Europa, Oriente Médio e África e é também a primeira mulher a assumir o cargo desde o começo do Tinder em 2012.

Scott Kessler, analista na consultoria Third Bridge, disse que Lanzone se encaixará bem no Yahoo por causa da sua passagem pela CBS Interactive, na qual comandou marcas de mídia digital e conduziu o desenvolvimento dos serviços de streaming da empresa, incluindo o CBS All Access.

"Ele fez isso antes e, embora haja mais em jogo, a Apollo e outros investidores querem ver valor sendo tirado disso".

O Yahoo, que compete com Google e Facebook, está entre os cinco sites mais visitados nos Estados Unidos e entre 20 do mundo, disse a empresa de análise de tráfego de internet Alexa.

Lanzone substitui Guru Gowrappan, que liderou o negócio de mídia da Verizon desde 2018 e agora foi nomeado conselheiro sênior da empresa de private equity da Apollo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos