YoutubeTV fecha acordo com Disney nos EUA

·2 min de leitura
Tyumen, Russia - April 30,2019: YouTube App icon channel on iPhone XR
YouTube fecha acordo com Disney e volta a veicular canais da plataforma nos EUA
  • Empresas fecham acordo e encerram interrupção nos serviços dos canais Disney;

  • Serviços eram referentes a plataforma YouTube TV, disponível nos EUA;

  • Nenhuma das empresas entre YouTube e Disney divulgou termos financeiros do acordo;

O YouTube, empresa da Alphabet, também dona do Google, começou a restaurar o acesso aos canais da Walt Disney Company em sua plataforma neste domingo, depois que as empresas chegaram a um acordo de distribuição para encerrar um apagão de dois dias dos canais Disney na plataforma YouTube TV, uma espécie de TV por assinatura por streaming, ainda não disponível no Brasil, segundo informações veiculadas pela agência Reuters.

Leia também:

O site de vídeos anunciou no Twitter que "chegamos a um acordo com a Disney e já começamos a restaurar o acesso a canais como ESPN e FX." Por outro lado, nenhuma das empresas divulgou os termos financeiros do acordo. Já a Disney, em comunicado, completou: "Agradecemos a colaboração do Google para chegar a termos justos que sejam consistentes com o mercado", disse a Disney em anúncio neste domingo.

Briga entre YouTube e Disney envolvia preços de plataforma de streaming

O YouTube avisou na semana passada que só renovaria seu contrato com a Disney se a empresa oferecesse "termos equitativos" e anunciasse que estava cortando o preço mensal do YouTube TV, plataforma disponível apenas nos Estados Unidos, em 15 dólares, caindo de US$ 64,99 para US$ 49,99. Neste domingo, o YouTube declarou que a assinatura mensal do serviço foi revertida para US$ 64,99, mas os usuários afetados receberiam um desconto único de US$ 15, segundo a agência Reuters.

A plataforma de streaming televisiva do YouTube não causou a primeira briga com a Disney. No início deste mês, após uma batalha de meses sobre acusações de conduta anticompetitiva por parte da empresa do Grupo Alphabet com a Roku, o site de vídeos fechou um acordo de vários anos com a plataforma de streaming para distribuir o seu principal aplicativo e serviço de TV, encerrando um imbróglio entre as duas empresas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos