Youtuber morre ao gravar 'pegadinha' de roubo em Nashville, nos EUA

Extra, com agências internacionais
·1 minuto de leitura

A gravação de uma "pegadinha" terminou com a morte do Youtuber Timothy Wilks, de 20 anos, no Tennessee, nos Estados Unidos, na última sexta-feira. Durante a gravação, Wilks e um amigo fingiam cometer um roubo, armados com facas, e abordaram um grupo de pessoas em um parque de diversões na cidade de Nashville.

Wilks foi morto a tiros por um jovem de 23 anos, que afirmou à polícia ter agido em legítima defesa, segundo a BBC Internacional. David Starnes Jr. alegou que não fazia ideia de que a abordagem de Wilks fazia parte de uma pegadinha, informou a NBC News.

Há cerca de dois anos, o YouTube adotou a política de banir vídeos de pegadinhas consideradas perigosas, muito embora ainda existam conteúdos roteirizados com a mesma temática na plataforma, com milhões de visualizações.