Zagueiro do PSG, Kimpembe é cortado da seleção da França e não disputará a Copa

Mais uma baixa no Mundial. Com uma lesão no tendão de Aquiles, o zagueiro Presnel Kimpembe não irá participar da Copa do Mundo no Catar, que se inicia no dia 20 de novembro. A Federação Francesa de Futebol (FFF) informou a decisão num comunicado publicado na manhã desta segunda-feira. O defensor Axel Disasi, do Monaco, substituirá o jogador do PSG.

Tabela da Copa: Datas, horários e grupos do Mundial do Catar

Simulador: Você decide quem será campeão da Copa do Catar

Campeão do mundo em 2018, Kimpembe jogou por 15 minutos na vitória do PSG sobre o Auxerre por 5 a 0, após ficar de fora das duas últimas partidas do clube por lesão. A decisão do corte foi tomada na manhã desta segunda-feira depois de uma conversa com o médico Franck Le Gall e alguns exames.

Esta é a terceira baixa da seleção francesa por problemas físicos para o Mundial do Catar. Os dois primeiros foram os volantes titulares na conquista de 2018, N'Golo Kanté, do Chelsea, e Paul Pogba, da Juventus.

"Presnel Kimpembe não participará da Copa do Mundo. O defesa do Paris-SG não se considera suficientemente recuperado para poder manter o seu lugar na defesa dos Blues no Qatar. A decisão foi tomada na manhã desta segunda-feira, em Clairefontaine, após uma troca entre o jogador e o médico da seleção francesa, Dr. Franck Le Gall, então entre o jogador e Didier Deschamps. A equipe da equipe francesa saúda a honestidade de Presnel e deseja que ele recupere todos os seus meios físicos o mais rápido possível. Didier Deschamps decidiu, para substituir Presnel Kimpembe, chamar Axel Disasi. O defesa do AS Monaco é esperado durante o dia no CNF Clairefontaine", disse a Federação em comunicado.

O zagueiro, que após a partida pelo Campeonato Francês garantiu que estava bem de saúde, sentiu dores e preferiu tomar a decisão que beneficiasse tanto a ele quanto a equipe francesa. Em suas redes sociais, Kimpembe fez o anúncio e afirmou que sua saúde vem em primeiro lugar.

"Depois de vários testes realizados com as equipes técnicas do PSG, mas também da seleção francesa, tomei a decisão de não jogar a Copa do Mundo... Como muitos sabem, estou sempre pronto para lutar pela seleção e por representar o meu país é sempre motivo de imenso orgulho, e o fato de mais uma vez ter a oportunidade de competir nas mais prestigiadas competições internacionais é uma honra. Infelizmente, minha saúde vem em primeiro lugar e os últimos testes mostraram que não poderei garantir um desempenho de 200% e não quero desestabilizar o grupo. Desejo o melhor das competições a todos os meus companheiros de equipe, confio em você e sempre serei seu primeiro torcedor. Vai Blues!", escreveu Presnel Kimpembe.

A França está no Grupo D da Copa do Mundo ao lado de Austrália, Dinamarca e Tunísia. A estreia será contra a Austrália, no dia 22 de novembro, às 16 horas (horário de Brasília).

26° jogador

Técnico da seleção da França, Didier Deschamps, que só havia convocado 25 jogadores para disputar a Copa do Mundo no Catar, chamou o atacante Marcus Thuram, filho do lendário Lilian Thuram, campeão mundial sobre o Brasil em 1998, para ocupar a 26ª vaga do país.

O jogador do Borussia Mönchengladbach tem 13 gols e quatro assistências em 17 partidas na atual temporada e não era convocado para a seleção desde a última Eurocopa, realizada em 2021. Thuram irá se apresentar em Clairefontaine, nesta tarde, e se juntará aos companheiros de equipe que querem o tricampeonato mundial para a França.