Zelenskiy diz não ter dúvidas de que mísseis ucranianos não causaram explosão

Presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, visita Kherson

KIEV (Reuters) - O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, disse, segundo a agência de notícias Interfax Ucrânia, que não tem dúvidas de que a explosão que matou duas pessoas na Polônia não foi causada por um míssil ucraniano.

"Eu não tenho dúvidas de que não foi nosso míssil", disse Zelenskiy à imprensa ucraniana.

O presidente afirmou que acredita que a explosão de terça foi causada por um míssil russo, acrescentando que fundamentou suas conclusões em informações das forças ucranianas que ele "só pode acreditar".

Zelenskiy disse que acredita que a Ucrânia já deveria ter recebido acesso ao local da explosão.

"Se temos o direito de fazer parte da equipe de investigação? É claro", disse.

Zelenskiy disse que Kiev não havia recebido uma proposta de Moscou para iniciar negociações de paz. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse nesta semana que a Ucrânia não está interessada em promover conversas de paz com a Rússia.

"Eles não se comunicam conosco", disse Zelenskiy.

(Reportagem de Dan Peleschuk)