Zelenskyy: "Defesa aérea ucraniana pode tornar-se a mais poderosa da Europa"

Os combates na na região de Donetsk, na Ucrânia, são intensos e diz-se que as forças russas, situadas em torno da cidade de Bakhmut, estão esgotadas. As tropas ucranianas contam com o apoio de uma unidade de elite de drones conhecida como "As Asas de Madyar" que fornece informações em tempo real às baterias de artilharia ucraniana.

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, disse na sexta-feira que as forças do seu país estão "a ocupar posições" no Donbass e até "a avançar gradualmente" em algumas áreas.

No seu discurso habitual no final do dia, Zelenskyy afirmou: "Este ano, não só preservámos a nossa defesa aérea, como a tornámos mais forte do que nunca. Mas, no novo ano, a defesa aérea ucraniana tornar-se-á ainda mais forte, ainda mais eficaz. A defesa aérea ucraniana pode tornar-se a mais poderosa da Europa e garantirá segurança não só para o nosso país, mas também para todo o continente".

A defesa aérea ucraniana pode tornar-se a mais poderosa da Europa e garantirá segurança não só para o nosso país, mas também para todo o continente".

No final do discurso, Zelenskyy agradeceu a todos os militares e civis que lutam pela Ucrânia.

Todos se preparam para fazer mais e melhor, como os guardas de defesa territorial e de fronteira da Ucrânia que fazem formação perto da fronteira com a Bielorrússia na região de Volyn.