Zendesk, de softwares para empresas, é vendida por US$ 10,2 bilhões

A Zendesk, fabricante de softwares usados por diferentes empresas para atendimento a clientes e suporte remoto, será vendida por US$ 10,2 bilhões para um grupo de investidores liderados pela Hellman&Friedman e pela Permira.

O negócio será fechado com pagamento 100% em dinheiro, informou a Zendesk em comunicado nesta sexta-feira. Será pago um valor de US$ 77,50 por ação, o que totaliza um desembolso de US$ 9,5 bilhões. Incluindo as dívidas da empresa, o negócio será de US$ 10,2 bilhões.

As ações da Zendesk subiram até 29% após o anúncio.

A compra é uma reviravolta, porque no início deste mês a Zendesk tinha informado que havia desistido de tentar encontrar um interessado em adquirir a empresa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos