Indicação de Eduardo não passa hoje no Senado, avalia senador

Avaliação de vice-presidente da CRE é de que nome de Eduardo não tem, atualmente, apoio suficiente no Senado para ase aprovado como embaixador brasileiro em Washington (Foto: Michel Jesus / Câmara dos Deputados)

Para o senador Marcos do Val (Cidadania-ES), a indicação de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) a embaixador do Brasil em Washington, nos Estados Unidos, não seria aprovada hoje no colegiado do qual ele é vice-presidente, a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE).

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO INSTAGRAM

O nome de Eduardo precisa ser avaliado primeiro pela comissão antes de ser levado ao plenário do Senado Federal.

Leia também

O senador avalia que há receio entre seus colegas com possíveis reações vindas do Palácio do Planalto, mesmo que o voto seja secreto tanto na comissão quanto no plenário da Casa. Segundo capixaba, o governo de Jair Bolsonaro (PSL) mostraria fazer a mesma política que tanto critica caso resolva retaliar os parlamentares.

Questionado sobre o que seria preciso para que governo consiga aprovar a nomeação, Marcos do Val foi taxativo: “não indicar o filho dele”.