Zhong Shanshan, ‘imperador’ da água, é o homem mais rico da China

·2 min de leitura
Com uma fortuna de US$ 60,6 bilhões (R$ 340 bilhões), Zhong Shanshan, de Nongfu Spring, superou os titãs da tecnologia, o fundador do Alibaba, Jack Ma, e o fundador da Tencent, Pony Ma, na lista dos ricos da China Hurun. (Zhan Min/VCG via Getty Images)
  • Zhong Shanshan alcançou R$ 340 bilhões e ultrapassou Jack Ma e Pony Ma

  • Com a queda da Evergrande e Alibaba, empresa de Shanshan teve valorização

  • Mercado imobiliário foi um dos vários setores que tiveram um ano ruim na China

O discreto bilionário chinês que fez fortuna vendendo água engarrafada lidera a lista dos ultras ricos do país este ano pela primeira vez. Com uma fortuna de US$ 60,6 bilhões (R$ 340 bilhões), Zhong Shanshan, de Nongfu Spring, superou os titãs da tecnologia, o fundador do Alibaba, Jack Ma, e o fundador da Tencent, Pony Ma, na lista dos ricos da China Hurun. Os dois ficaram em primeiro e segundo lugares respectivamente no ano passado e Zhong ficou em terceiro lugar.

Leia também

Zhong é o fundador e presidente da Nongfu Spring. Ele também é proprietário do fabricante de vacinas Beijing Wantai Biological Pharmacy Enterprise. Ambas as empresas abriram o capital no ano passado, sua crescente riqueza pessoal de Zhong.

Enquanto os dois caíram para o quarto e quinto lugares da lista, outro magnata da tecnologia subiu. Zhang Yiming, fundador da ByteDance, empresa controladora da TikTok, ficou em segundo lugar com uma fortuna de US$ 52,8 bilhões (R$ 297 bilhões). Zhang triplicou sua riqueza no ano passado, de acordo com a lista.

Mercado imobiliário foi um dos vários setores que tiveram um ano ruim

"Na Hurun China Rich List, podemos ver quais setores e modelos de negócios estão em alta e quais estão em declínio. A nova energia teve um ano incrível, enquanto imóveis, serviços de aulas particulares, produção de suínos e videogames tiveram um ano ruim ", escreveu Rupert Hoogewerf, presidente do Hurun Report e pesquisador-chefe do site de mesmo nome.

Hui Ka Yan, o fundador da batalhadora gigante imobiliária China Evergrande, perdeu US$ 25 bilhões no ano passado e caiu para a 70ª posição com US$ 11,3 bilhões (R$ 64 bilhões). Hui estava no topo da lista em 2017 e estava em quinto lugar no ano passado.

A Hurun China Rich List é compilada anualmente pelo Hurun Research Institute, uma empresa de pesquisa e investimento com sede em Xangai. Este é o primeiro ano que inclui Hong Kong, Macau e Taiwan, que adicionam 197 nomes à lista. No geral, mais 520 pessoas com uma fortuna de pelo menos 2 bilhões de yuans chineses (US$ 1.7 bilhão) foram acrescentadas este ano. Existem agora 2.918 pessoas na lista.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos